Arquivo da categoria: Matérias

Sam Smith se diz honrado e orgulhoso de apoiar campanha contra guerra na Síria

A indústria do entretenimento está de pé para as crianças sírias.

Famosos – incluindo Jude Law, Nicole Scherzinger, Sam Smith, Marcus Mumford e Carey Mulligan – estão aumentando a conscientização sobre a situação das vítimas mais jovens do conflito continuo na Síria com um novo vídeo para War Child, uma instituição de caridade que apoia o bem entre as crianças da região.

Intitulado “Enough is Enough”, o clipe de dois minutos mostra as estrelas contando a luta da vida real sofrida por Fátima, uma menina de 17 anos que foi forçada a escapar da Síria em meio a tensões crescentes, tentativas de fuga e violência que acabaria por reivindicar a vida de seu irmão. Fátima vive agora como refugiada na Jordânia.

“Enough is Enough” coincide com um novo relatório da War Child, intitulado “Six Years on – A War on Syria’s Children”, que descreve mais de 400.000 mortes sírias desde que o conflito começou há seis anos em 14 de março de 2011. De acordo com o relatório, cerca de 55.000 crianças estão entre os mortos.

Após a divulgação do vídeo, Sam demostrou compaixão através da sua conta no Twitter dizendo se sentir honrado e orgulhoso por apoiar essa campanha:

Tradução:

A Guerra Síria tem quase 6 anos . Estou tão orgulhoso e honrado por apoiar a campanha de

Fonte\Adaptado

Sam Smith compõe música nova com Frances

O novo álbum de Sam Smith parece estar cada vez mais próximo de ser revelado ao mundo. A cantora Frances disse em uma recente entrevista ao ContactMusic que esteve em estúdio com Sam.

Ela revelou que os dois trabalharam na composição de uma nova canção para o sucessor do “In The Lonely Hour”.

“Foi incrível. Nós escrevemos uma música semanas atrás para seu segundo álbum, então foi realmente divertido.” Disse Frances sobre compor com Sam Smith.

Fonte/Adaptado

Sam Smith compõe música para Matt Terry

Sam Smith não pode realizar o desejo do Matt Terry de se apresentar junto ao ídolo no The X Factor, mas escreveu uma música  nova para o artista.

Matt Terry cantou “Writing’s On The Wall” na competição, dizendo se sentir tocado pelas força nas canções de Sam e que seria incrível se o ídolo pudesse se juntar a ele na final para um dueto. Smith não pode se juntar ao fã, mas o presenteou com uma nova música.

Matt Terry contou a novidade ao Daily Star:

“Quando eu cantei essa música foi um momento incrível. Então gravar uma canção escrita por ele é algo animador no momento.”

O vencedor do reality também contou que teve um encontro com Sam, onde pediu conselhos sobre sua carreira e contou alguns detalhes:

“Quais são as chances? É apenas louco. Eu tive um monte de perguntas para ele sobre sua carreira. Foi muito legal. Ele é um artista que eu escuto desde que começou e eu penso que sua carreira é insana. Ele contou que me ouviu cantando “I’ll Be There”, ele disse que soou muito bom. Ele disse pra mim que devo continuar fazendo o que estou fazendo.”

A nova canção de Matt Terry escrita por Sam Smith ainda não tem previsão de lançamento.

Fonte/Adaptado

 

RUMOR: Sam Smith pode se apresentar na final do The X Factor UK 2016

Sam Smith foi fotografado na última noite em Londres ao lado de Nicole Scherzinger, jurada do reality show The X Factor.

nintchdbpict000286226663

Quem acompanha o programa sabe que Matt Terry é o candidato atual favorito ao título de vencedor. Com isso, os rumores dos duetos ficam cada vez mais fortes. Os dois se conheceram em outubro.

img_20161202_210443
Matt Terry, Sam Smith e Freddy Parker.

O nome mais cotado para se apresentar com Matt é de Sam Smith, já que ele interpretou uma de suas músicas no programa, “Writing’s On the Wall”. Os rumores ficaram mais intensos depois dos tabloides descobrirem que os cantores tiveram uma “reunião secreta”. Sobre isso, o semifinalista disse: “Foi uma loucura, fiz um monte de perguntas sobre sua carreira, foi muito legal. Ele é um artista que acompanho desde que começou sua carreira. Ele me disse que tinha visto minha performance de ‘Il’ Be There’ e disse para que eu continuasse fazendo o que estou fazendo.”

O The X Factor UK continua neste Sábado (03/12) às 18h (Horário de Brasília) pela ITV e aqui no Brasil no Domingo (04/12) às 21h55 (Horário de Brasília) pelo Canal Sony.

Fonte/Adaptado

 

“Diva Boy”, álbum que Sam Smith compôs será lançado de forma oficial em setembro

Antes de In The Lonely Hour, álbum que catapultou, definitivamente Sam Smith para o estrelato havia Diva Boy, um disco que o cantor fez em 2008 e que havia sido engavetado.

Sam Smith passou seus anos de formação nos estúdios em West London na Flipbook Music, onde seu talento foi nutrido e desenvolvido ao longo de três anos realmente frutíferos. Agora, esse mesmo disco será editado pela editora independente Flipbook Music, no próximo mês de setembro, permitindo observar (e ouvir) Sam Smith antes de ter chegado ao estrelato.

Em comunicado à imprensa, a Flipbook Music afirma que “a experiência e educação que Sam Smith teve durante a sua estadia aqui, não tem preço, e foi mais um grande passo no desenvolvimento dessa estrela pop única e talentosa”. Você pode visitar o site oficial do “Sam Smith Diva Boy”, clicando aqui.

O primeiro single, “Momentarily Mine”, está disponível para escuta, vindo acompanhado de um vídeo com imagens antigas do cantor. Veja-o aqui:

Fonte/Adaptado

Tourist fala sobre como foi trabalhar com Sam Smith

Tourist está mudando as coisas. De 2012 a 2014, o compositor britânico e produtor, cujo nome verdadeiro William Phillips, lançou três EPs e trabalhou com artistas como Years & Years, Lianne La Havas e Sam Smith
Tourist passou o verão em vários festivais de música. Antes de embarcar em sua turnê na América do Norte e no Reino Unido em setembro, o International Business Times conversou com ele sobre seu novo álbum e a colaboração com Sam Smith.

Como foi trabalhar com Sam Smith e como isso aconteceu?

Tourist: Eu estava trabalhando no meu terceiro EP, chamado “Patterns”, e eu estava trabalhando com o meu amigo Jimmy e alguns gestores de Sam Smith estavam ouvindo as coisas que eu e Jimmy estavam escrevendo e eles eram como, “Gostaria de escrever com Sam?” e eu era como, “Quem é Sam?“. Sabe, Sam Smith nem sempre foi famoso e esta colaboração foi no momento em que ele não era. Então, nós meio que nos sentamos e tivemos uma sessão.

Confira o single ‘U’ de Tourist:

Fonte \ Adaptado

Sam Smith assina carta que se opõe à forma que o YouTube disponibiliza conteúdo

Sam Smith, Taylor Swift, Coldplay, Lady Gaga, Ed Sheeran e muitos outros artistas escreveram uma carta para o Youtube (da empresa Google) alegando que eles estão injustamente lucrando com muitos valores que deveriam  ser dos músicos e compositores.

Mais de 1000 músicos assinaram este documento que foi enviado a Jean-Claude-Junker, o presidente da comissão, assim afirmando que existe uma “disparidade de valor” cada vez maior na indústria musical e assim ocasionando uma “explosão” na receita gerada por consumo de música.

A carta foi feita para pedir a revisão da Digital Millennium Copyright Act (D.M.C.A.), lei nos Estados Unidos que regula a distribuição de direito autoral em meios digitais no país.

O YouTube, respondeu dizendo que, direta e indiretamente, rende bilhões de dólares aos envolvidos no meio musical e que novas ferramentas contribuem para que os donos dos direitos consigam coibir a pirataria dentro do site.

Organizador da carta, Irving Azoff pensa diferente. O empresário disse em entrevista à Billboard que nunca viu uma ameaça tão séria aos artistas quanto vê no YouTube.

Fonte/Adaptado

Adam Lambert elogia Sam Smith por usar pronomes neutros em suas músicas

O cantor Adam Lambert elogiou Sam Smith e o grupo Years & Years por aumentarem a conscientização LGBT através de suas músicas por usarem pronomes neutros em suas canções, e espera que executivos cedam um pouco mais a isso, porque é a última peça do quebra-cabeça.

“Felizmente, estamos em um momento, agora com streaming, onde há mais poder colocado de volta nas mãos dos artistas e do público. Mas os guardiões que tomam um monte de outras grandes decisões na indústria da música, esses são os mais difíceis de convencer sobre certas coisas. Este é o raciocínio para algumas destas coisas de pronome”, disse o cantor ao Digital Spy.

E o astro, de 34 anos, está feliz que as coisas têm “mudado” e há uma maior aceitação da comunidade LGBT agora.

“Acho que tem havido muitas coisas em geral, que mudaram dentro da comunidade LGBT e aceitação generalizada. Não há muito uma razão para ter medo, porque as pessoas em geral não estão com medo disso”.

Fonte/ Adaptado

‘The Voice’: Com covers de “Leave Your Lover” e “Lay Me Down” participantes se destacam

Esta semana no The Voice , Tamar Davis impressionou Christina Aguilera com seu cover de “Lay Me Down”. Christina escolheu Tamar sobre Maya Smith para um de seus cinco pontos nos playoffs ao vivo. O que fez a diferença para Tamar? Starpulse falou com ela depois de seu desempenho na fase eliminatória para discutir como ela escolheu a canção, o que poderia ter lhe dado a vantagem sobre Maya, e o que ela vai querer fazer nessa primeira rodada de shows ao vivo.

A escolha da música foi uma grande notícia para ela. “É uma das minhas canções favoritas”, revelou. “Quando eu descobri que eu estava indo para realizá-la, eu pulei de alegria por várias razões.Um, eu queria cantar uma balada. Dois, eu queria cantar uma balada e adicionar a minha Tamar -para ela. E três, eu queria cantar uma música do Sam Smith na série. Eu só não tinha idéia que seria tão cedo!”

Mesmo que ela conhecia e amava a música, cobrindo-o adequadamente ainda teve um pouco de trabalho com o seu treinador: “O ensaio para a canção foi ironicamente intrincado. Quando eu fiz o primeiro ensaio com a banda, percebemos que a canção foi rápida e muito rápida para mim obter toda a mensagem. Então, nós brincamos com algumas ideias que eu tinha em minha cabeça, como a modulação,” ela continuou. “Assim que eu cantei para Paul [Mirkovich], o diretor musical, e ele gostou. E assim que nós ensaiamos com a nova mudança, sabíamos que tínhamos algo diferente. Nunca tive uma pista que seria realmente algo especial. E, como Pharrell Williams disse, tornou-se a minha música. Isso foi uma honra.”

O nocaute rodadas não só garantiu Tamar uma posição na fase final da temporada 10 do The Voice , mas eles foram um aprendizado muito grande para ela também.

“Meus pais costumavam dizer-me que o meu presente faz homens crescidos chorar. E embora eu tenha visto esporadicamente, agora obtive as respostas esmagadoras de todas as raças, idades e sexos, fiquei sem palavras. Eu vi o desempenho e sabia que não estava imitando lá em cima, foi realmente um dom de Deus brilhando. Eu pratiquei essa música todos os dias, mas o que eu ouvi  nem foi perto do que eu senti nas minhas aulas e ensaios. “

Confira a performance de Tamar Davis, ‘Lay Me Down’:

Caity Peters cantou  “Leave Your Lover” que tem menos energia, mas com impacto mais sutil, pelo time do Pharrell.

 “A suavidade e a singularidade do seu registo inferior é muito legal, e, em seguida, quando você tipo esta a esfaquear essas coisas mais elevadas é igualmente linda”, Adam Levine sobre a performance de Caity.

“Onde você não move fisicamente, você move espiritualmente”, Pharrell sobre Caity.

Como Pharrell pode desligar o movimento espiritual de Caity?! Caity avança também para a próxima fase!

Confira a performance de Caity Peters, ‘Leave Your Lover’:

The Voice vai ao ar às segundas-feiras e terças-feiras às 20:00 na NBC.

Fonte/Adaptado 1

Fonte/Adaptado 2 

Meghan Trainor revela que pediu orientação para Sam Smith na recuperação de lesão vocal

Ano passado, foi um ano difícil para Meghan Trainor, a cantora americana cancelou sua turnê por conta de hemorragia nas cordas vocais diversas vezes, assim como Sam Smith sofreu por este mesmo problema alguns meses antes, em abril. O britânico sendo um bom amigo a incentivou a fazer a cirurgia depois dela ter sido forçada a cancelar várias shows e a aconselhou para ter cautela quanto ao procedimento que iria passar.

A cantora do mais novo hit “No”, revelou à iHeartRadio no último fim de semana como Sam a ajudou no momento mais difícil de sua carreira:

“Eu tinha ligações com a minha empresária e agente que questionávamos coisas do tipo, ‘Vamos cancelar essa turnê agora? Isto é mesmo possível, seria o correto a fazer?’. Mesmo sabendo o posicionamento do médico em relação ao caso e, então, ela mandou uma mensagem para Sam dizendo, ‘Eu devo fazer o procedimento e corrigir isso agora e apenas acabar com isso?’, e ele disse, ‘Eu prometo a você, você irá cantar melhor do que nunca e será muito mais feliz se fizer a cirurgia”.